#

Mosteiro

A comunidade de Montserrat é formada por cerca de oitenta monges que vivem segundo a regra de São Beneditino.

A comunidade atual é formada por cerca de oitenta monges. Como em todos os mosteiros beneditinos, os monges de Montserrat dedicam a sua vida à oração, ao acolhimento e ao trabalho, seguindo o lema de São Beneditino.

A oração marca o ritmo do dia no mosteiro. Com ela começa o dia e com ela termina. Diariamente, além das celebrações da eucaristia, os monges reúnem-se cinco vezes para rezar (liturgia das horas). Também dispõem de tempo para as orações individuais e a leitura da palavra de Deus ou de outras obras espirituais. Desta maneira procura-se criar um ambiente de oração durante todo o dia.


O acolhimento. Um dos deveres dos monges beneditinos que prescreve a Regra de S. Beneditino é acolher os peregrinos que chegam ao mosteiro. Um peregrino é aquele que bate à porta com espírito de busca interior. No mosteiro, os hóspedes recebem um tratamento especial e podem partilhar a oração e a mesa com os monges.

O trabalho dos monges é difícil de definir genericamente pela diversidade de tarefas que levam a cabo. Alguns estudam teologia, história, filosofia; outros colaboram em diversas publicações, dão aulas na universidade, dedicam-se à investigação ou encarregam-se do Coro de Rapazes, da biblioteca, do arquivo, entre outras tarefas.


Também se levam a cabo os trabalhos necessários para o bom funcionamento do mosteiro e do santuário: a manutenção do jardim, a gestão da sacristia, a enfermaria, a hospedaria, etc.

Dados práticos

Horários 

 

Basílica:

Das 7:00 às 20:00 h

Camarim da Virgem:

 

Das 7:00 às 10:30 h e das 12:00 às 18:15 h
De 1 de julho a 15 de setembro: também das 19:15 às 20:00 h

Centro de Coordenação Pastoral:

Das 9:30 às 13:00 h e das 16:00 às 18:00 h

Informação

 

Telefone:

+34 93 877 77 77

Site:

Site da Abadia

E-mail:

Contactar por correio